Bragaça - Pará.


Bragança é uma terra que tem muito a oferecer ao turista, pelas tradições que atravessam os séculos. A Igreja de São Benedito é a guardiã de uma das tradições mais importantes da cultura religiosa do Pará, a festa de São Benedito, padroeiro dos bragantinos. Histórias que os casarões coloniais, à beira do Rio Caeté, testemunham.

A cultura popular resiste levando à cena, há mais 200 anos, intrigante folguedos da Dança da Marujada, uma manifestações surgida em homenagem a São Benedito que exprime toda a riqueza cultural da polpulação humilde e que a cada ano atrai mais pessoas de de outras regiões.

 Além da tradição, Bragança oferece ao visitante as delicias da praia de Ajuruteua, um recanto, quase um paraíso, a 35 Km do centro da cidade. As praias de Ajuruteua, com grandes faixas de areia branca, são deslumbrantes e há opção para todos os gostos: praias movimentadas, com razoável infraestrutura turística e praias desertas, perfeitas para quem prefere o isolamento. Com a abertura da estrada que liga o balneário à cidade de Bragança, Ajuruteua passou a fazer parte dos roteiros turísticos do Estado.

Os encantos e as belezas dos campos naturais bragantinos, dos igarapés e manguezais da região litorânea do Pará, que se revelam já no caminho que liga Bragança a Praia de Ajuruteua.

A cidade de Bragança é o maior polo pesqueiro do Estado do Pará, exportando sua produção principalmente para as capitais do Nordeste e para o próprio estado do Pará, também se nota uma grande Atividade Pecuária, Agricultura e um extrativismo formado pela extração de caranguejos.




Galeria de fotos