Pará espera liderar o turismo na Amazônia em 2013

Em 2011, ao lançar o Plano Ver-o-Pará (Plano Estratégico de Turismo do Pará,) o governador Simão Jatene deu um importante passo para o fortalecimento do turismo paraense, que em 2000 recebeu um fluxo de 400 mil turistas e dez anos depois 600 mil visitantes.

Como resultado do planejamento, o destino turístico, que é considerado a obra-prima da Amazônia, ampliou esse fluxo em 2011 para cerca de 800 mil turistas a partir da execução dos diversos macroprogramas, programas, projetos e ações voltados ao desenvolvimento, fomento, promoção, divulgação e outros aspectos do turismo direcionados pelo Plano, executado pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur) e pela Companhia Paraense de Turismo (Paratur). Nesse contexto de crescimento, o Pará fecha 2012 com cerca de 1 milhão de turistas e um saldo de 400 milhões de reais, além de contribuir com a geração de emprego no Estado, que teve um saldo de 50 mil postos de trabalho, com 20 mil admissões no setor do turismo.


Para 2013 as expectativas são ainda melhores, já que a criação, também em 2011, da Setur, vinculada à Secretaria Especial de Desenvolvimento Econômico e Incentivo à Produção (SEDIP), impulsionou ainda mais os investimentos públicos e do trade no turismo paraense. Segmentos como natureza, cultura, sol e praia, eventos e negócios foram colocados nas prateleiras das principais operadoras do mundo, através da participação do Pará em diversas feiras no Brasil, França, Portugal, Argentina e outros, onde a Paratur divulgou as regiões turísticas de Belém, Marajó, Tapajós, Amazônia Atlântica, Araguaia Tocantins e Xingu. Aliamos a essa estratégia investimentos em Press Trip, trazendo ao Pará inúmeros profissionais dos principais veículos de comunicação especializados em turismo.


Cumprindo a meta de se tornar o Destino Líder da Amazônia até 2020, o Pará visualiza para os próximos anos triplicar o número de turistas brasileiros e ampliar a participação do volume e da receita gerada pelo turismo internacional para 15% sobre o volume da receita global do turismo no Estado. Para isso, a missão agora é melhorar a oferta de equipamentos e serviços, fomentar desenvolvimento sustentável, aumentar a promoção nos mercados nacional e internacional, captar novos mercados e desenhar um novo sistema de estatística, capaz de mediar a evolução do turismo paraense e assim permitir mais segurança aos investidores, entre eles da rede hoteleira, que soma hoje uma oferta de quase 12 mil leitos.

 

Fonte: http://www.paraturismo.pa.gov.br/?q=pt-br/par%C3%A1-tem-boas-expectativas-para-liderar-o-turismo-na-amaz%C3%B4nia-em-2013

 




Galeria de fotos